Institucional

Última atualização em:

O Complexo Industrial Portuário de Suape é um dos maiores projetos de desenvolvimento da economia do País. O empreendimento oferece oportunidades em diversos setores, atraindo investimentos e gerando renda para os trabalhadores que se orgulham em construir uma nova história para Pernambuco.

Distante apenas 40 quilômetros do Recife, Suape é interligado a mais de 160 portos em todos os continentes e se apresenta como o porto público mais estratégico do Nordeste, tendo em vista que 90% do PIB (Produto Interno Bruto) da Região encontra-se em um raio de 800 quilômetros do porto. Dessa forma, mostra-se como um hub port natural, ou seja, porto concentrador e distribuidor de cargas não só para o Nordeste, mas também para o Norte do País.

Aliando um conceito de porto-indústria, o Complexo de Suape surgiu como instituição pública em 1978, por meio da Lei Estadual nº 7.763, que criou a empresa SUAPE – Complexo Industrial Portuário, cuja finalidade era administrar a implantação do distrito industrial, o desenvolvimento das obras e a exploração das atividades portuárias.

Hoje, é administrado pela estatal chamada SUAPE – Complexo Industrial Portuário Governador Eraldo Gueiros, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, por autorização do Governo Federal, pelo convênio firmado em 9 de abril de 1992.

A concepção do Complexo de Suape originou-se do moderno conceito de integração porto-indústria já existente, na época, no Porto de Marseille-Fos, na França e de Kashima, no Japão. A ideia é ter um porto com uma retroárea para a instalação de empreendimentos industriais e operações de logística. Situado no litoral Sul do Estado de Pernambuco, dentro dos municípios de Ipojuca e Cabo de Santo Agostinho, o Complexo de Suape possui uma área de 13.500 hectares dividida em cinco zonas: Preservação Ecológica (59%), Industrial (22%), Industrial-Portuária (14%), Central de Serviços (3%) e Preservação Cultural (2%).

O Planejamento Estratégico SUAPE 2017-2023, representa um diagnóstico organizacional elaborado a partir de oficinas técnicas com dirigentes e gestores de SUAPE, além de contribuições de diversos níveis funcionais da empresa, recolhidas por meio de circularização de questionários e de apontamentos de reuniões com stakeholders.  

MISSÃO INSTITUCIONAL

Realizar a gestão das operações portuárias com segurança e eficiência e garantir a adequação da infraestrutura do complexo industrial portuário, de forma sustentável, promovendo o ordenamento do território e atraindo investimentos que contribuam para o desenvolvimento do estado de Pernambuco.

VISÃO DE FUTURO

Atingir, até 2023, a excelência administrativa, sendo referência regional em sustentabilidade, consolidando-se como o polo mais atrativo para investimentos da região, tornando-se o Hub Port do Norte/Nordeste e reconhecido internacionalmente pela eficiência dos serviços portuários.

VALORES

  • Qualidade na prestação dos serviços;
  • Valorização do Capital Humano;
  • Segurança no Trabalho;
  • Transparência e Ética;
  • Sustentabilidade

PRINCIPAIS ATIVIDADES

I – Promover a infraestrutura básica de localização industrial e portuária do Complexo, referente a transporte, energia, comunicações, abastecimento de água, esgotos e habitação;

II – Estimular a implantação de indústrias no local;

III – Promover a alienação ou arrendamento de lotes de terreno para fins industriais, portuários ou correlatos;

IV – Promover assistência aos empreendimentos que se ajustem ao Plano Diretor;

V – Promover estudos tendo em vista o desenvolvimento equilibrado das áreas adjacentes ao Complexo;

VI – Estabelecer diretrizes e normas relativas à preservação ecológica e cultural do patrimônio natural e histórico existente na área, dirigidas ao setor público ou privado.

Outras informações institucionais estão disponíveis no site institucional do SUAPE. Para acessar, clique aqui.

Em anexo, Mapa Estratégico de Suape.

DOCUMENTOS